Alessandro Molon | Deputado federal pelo Rio de Janeiro | Segunda denúncia contra Temer será decidida no plenário da Câmara
29844
post-template-default,single,single-post,postid-29844,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-theme-ver-6.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.11.2,vc_responsive

Segunda denúncia contra Temer será decidida no plenário da Câmara

24 outubro, 2017 Segunda denúncia contra Temer será decidida no plenário da Câmara

Aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) contrariando todas as evidências apresentadas, o relatório que propõe a rejeição da denúncia contra o presidente Temer e os ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco foi lido no plenário da Câmara nesta terça-feira. A previsão é de que seja votado ainda nesta semana, mas a insatisfação de parte da base do governo pode atrasar o calendário.

Siga @alessandromolon no Twitter
Acompanhe pelo Facebook
Adicione Molon no Instagram

Para Molon, ao contrário do que afirmou o relator da denúncia, “todas as provas são incontestáveis”. O deputado classificou o relatório como uma “tentativa absurda para livrar Temer de investigação e culpar o Ministério Público”. como se o presidente fosse vítima de uma grande conspiração também envolvendo a Polícia Federal e o Poder Judiciário.

Como presenciamos diariamente, Temer não tem medido esforços para se livrar da segunda denúncia. Em troca de apoio na Casa, adota medidas escandalosas, como a tentativa de vender a Amazônia e a edição da portaria que acaba com o combate e a fiscalização ao trabalho escravo.

– Precisamos, todos, manter a pressão sobre Temer e os deputados, cobrando que votem contra o relatório e pela aceitação da denúncia. A Justiça não é para alguns, mas para todos, e assim deve ser também para Temer. – alertou Molon.

Confira a íntegra do discurso de Molon na CCJ:

O deputado federal Alessandro Molon (Rede) protocolou primeiro pedido de impeachment contra o presidente Michel
Molon apresentou, na última terça-feira (17), cinco emendas à Medida Provisória 726 para tentar anular
O júri do Prêmio Congresso em Foco, o mais importante da política brasileira, coroou na
Molon entrou, no dia 2 de maio, com uma representação no Ministério Público Federal para